top of page
  • Foto do escritorCasa Diária

Perfil: Fernanda Pompermeyer

Artista de múltiplas facetas, a Fer mostra sua arte pro mundo várias formas de expressão: através da fotografia, pintura, design ou cerâmica. Na fotografia ela traz uma estética única, com cores vibrantes e cenas lúdicas.



Durante a pandemia, ela se encontrou na cerâmica e criou o Studio Rocha, que claramente é um desdobramento de toda a estética que ela já apresentava na sua prática artística. Através a técnica de nerikomi, praticada no Japão e de origem chinesa, para misturar argilas em massas e placas coloridas. E ela traz uma paleta de cores e formas exuberantes. São vários tipos de objetos, em sua maioria vasos belíssimos. E ela mostra pro mundo mesmo: já esteve em exposições e lojas em Nova Yorque, Milão, Rio de Janeiro, Curitiba e São Paulo.



Ela produz em seu ateliê que fica em São Paulo, e divide espaço com o Miguel Thomé, que também já visitamos e contamos nesse post aqui. E o espaço traduz muito a personalidade dos dois, em seus próprios caos particulares, tudo respira arte por ali.



- Como foi seu início na cerâmica, e o que te inspirou e o que te inspira hoje em dia?


Meu início na cerâmica foi em 2020, na época era um exercício de forma/ cor e colagem, hoje eu busco inspiração nos processos de formação terrestres para criar as padronagens e peças.


- Como é o seu processo criativo? Pode contar um pouco sobre a técnica nerikomi?


O processo é bastante intuitivo! Vou aceitando os erros e adicionando todo tipo de coisa que vai surgindo conforme o processo acontece, começo uma peça e nunca sei o que vai ser..

A nerikomi foi a técnica que eu comecei e permaneço explorando, misturando todas as cores e criando esses padrões por meio da adição de várias camadas de argila.


- O Estudio Rocha pretende expandir outros materiais / linguagens além da cerâmica?


A vontade é grande mas o tempo é curto, e agora que estou equipada com o forno grande estou bastante focada em aumentar a escala do trabalho e tenho inserido vidro na finalização das peças também!


- Como tem sido a experiência de expor seu trabalho em outros países?


Tem sido super legal mas também bastante desafiadora. Fazer a peça e torcer para chegar inteira, mas recentemente fiz uma exposição individual em Ny e adorei a experiência


Atenção para a dica! As peças dela podem ser contradas na loja física ou online da Diária, clique aqui.


Aqui também tem uma playlist com músicas que podem estar rolando no ateliê.



Fotos e texto: Raphael Dias


Mais sobre a Fer:


Instagram Studio Rocha

Comments


skyline de são paulo
Imagem do museu noguchi
Captura de Tela 2020-12-10 às 11.20.15.

No dia-a-dia de todo viajante faz parte da experiência observar ao seu redor, seja na hora de tomar um café, ler um livro, apreciar uma arte, comprar um objeto ou mesmo deitar para dormir.

As cidades de todo o mundo escondem pequenas jóias que valem ser divididas, e quem sabe um dia conferir. O blog Diária nasceu da vontade de divulgar com curadoria esses lugares que além da qualidade em seus serviços, apresentam design diferenciado e inspirador.

  • Instagram
  • Preto Ícone Spotify
  • Facebook

blog diária

bottom of page